Retrospectiva Ciclovia da Pampulha


segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Desafio 24 Horas Cidade Administrativa de Belo Horizonte.

Foto da Largada - FMC
Sede do Governo de Minas Gerais, a Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, recebeu o Desafio 24 Horas de Ciclismo de Belo Horizonte neste final de semana, com largada às 10 horas da manhã de sábado – 04 de junho – e término às 10 horas da manhã do domingo dia 05.
Prova inédita de ultra ciclismo - o Desafio 24 de Ciclismo BH resgata esta prova de longa distância extinta a oito anos no Brasil sendo a maior prova de longa duração tanto no Brasil quanto na América Latina.


Em circuito de 2,7 quilômetros praticamente plano com um cenário deslumbrante os atletas das várias categorias Solo, Duplas, Quartetos Team e Estreantes e Quinteto Turismo se aventuraram e se superaram nas 12 ou 24 horas pedalando.

O Desafio 24h é uma competição num formato no qual revezamento é um diferencial para quem está competindo em equipes, pois elas se organizam em estratégias e entrosamento para superarem as equipes adversárias e no momento de transição segundos fazem diferença.

Na categoria 12 horas os atletas solo e dupla fizeram pegas alucinantes, destaque para o atleta Wagner Alves (Clube Lapa Bike) da solo que fechou a prova com 405 km e velocidade média de 34km/h, seguido de Cristiano Mota (Clube Lapa Bike) e Adney Rocha. A dupla Humberto Higino e Rafael Braga, mineiros que correm pelas equipes Pro Cycling Team ADF de Guarulhos - SP e Memorial de Santos – SP, respectivamente. Pensando nos treinos para o Campeonato Brasileiro, fizeram 486 km e velocidade média de 41km/h nas 12 horas, seguidos por Gilvan Francisco e Maykom Rodrigues e Anderson Clayton e Frederico Goulart na terceira colocação. Na Categoria Solo Feminino 12h, destaque para a campeã Ana Claudia de Varginha - MG que declarou ser seu maior desafio até hoje, que acreditou e fez bonito atingindo a marca de 295 km, seguida de Samirian V. Grimberg, atleta Paraolímpica e atual campeã na sua classe. Considerada o xodó do desafio pela simpatia e exemplo de superação, na qual limitações são apenas criações da mente, pois esta Baiana de ITABUNA é força de vontade de fazer aquilo que para muitos parece impossível, mas para Samirian é simples: levantar a cabeça e fazer aquilo que ela mais gosta que é pedalar.


Terminada a prova de 12h lá estavam os guerreiros das 24h apenas na metade do desafio, e mesmo com o frio da madrugada o clima era quente nas disputas dos atletas dos quartetos, quintetos e mountain bike.
As equipes se organizavam em suas estratégias, se viram obrigados a alterá-las para se adaptarem às circunstâncias e assim executaram o que julgaram ser melhor.
Destaque para a equipe estreante “Quarteto Perigoso”, formada por Gabriel Borges, Sérgio Durans, Jonatas Lima e Antônio Neto que se sangrou campeã geral com 840 km percorridos em 24h, foram perseguidos pouco atrás por mais de 12 horas de prova pelo time de Guilherme Garóforo, Márcio Costa, Bruno Bragança e Gilberto Martelo com os nervos à flor da pele fazendo pegas alucinantes brigando por segundos a cada volta, mas no decorrer da madrugada foram superados pela estratégia do time de Gabriel e fecharam com 822km. Na terceira posição ficou o time de Breno Brito, Eduardo, Bruno e Fernando, com 755km.
Campeã da categoria Quarteto Team e terceira geral a equipe de Petterson, Marcos de Souza, Eurico Assis e Igor Rodrigues atingiram a marca de 810 km, seguidos pelo time de KIWI SUCOS com Danielle Ferreira, Carlaile de Almeida, Vitor Luiz e Bruno Bones e na terceira colocação o quarteto de Marcelo Murrer, Robson França, André Luiz e Flávio Cásar.
Na categoria quinteto turismo os bravos e esforçados apaixonados pelo esporte encararam este desafio não somente pensando em vencer, mas superar todas as dificuldades porque eles nem sempre conseguem ter uma rotina de treinos, mas com muita força de vontade deixaram todas as dificuldades de lado e partiram pra cima tendo a melhor experiência de suas vidas sobre duas rodas, provando aos "treinados" que basta ter força de vontade pra participar de uma prova de 24 h como o Desafio, e declararam que estão ansiosos para o próximo.



Estrutura do evento


A categoria Quinteto Turismo não teria pódio, mas surpreendentemente os participantes desta categoria fizeram uma reunião entre eles e levaram para a comissão técnica da prova uma proposta de pódio, pois gostariam de disputar para terem mais emoção, que foi aceita. No final venceu o quinteto Marangon com os integrantes Warley Marangon, Solange Busek, Aquila Prata, Roberta Rodrigues, Wallace Brasil com a incrível marca de 760 km, seguido da equipe “01” formada por Misael Brito, Roberto Leite, Altamir de Azevedo, Luiz Otávio e Wagner Cesar e em terceiro lugar o time de Rodrigo Araújo, Maurílio Duarte, Paulo Marcio, Renzo Radicchi, Gustavo Resende. Esta última completou bravamente às 24 horas mesmo com alguns integrantes a muito tempo sem pedalar, montaram a equipe de última hora para não ficarem de fora da “festa”, como foi considerado por quem participou.
Na categoria Mountain Bike, os bravos do OFF ROAD Diocleciano Tomé, Clayson Eustáquio, Matheuws R. Pereira, Tiago Nascimento (Clube Lapa Bike) deram show na pista e não se intimidaram com as speeds e fizeram quilometragem de super campeões 725 km, sendo a única equipe inscrita nesta categoria, mas que competiram de igual com os speedeiros dentro da distância percorrida.
Já os atletas na categoria solo tinham o árduo compromisso de pedalarem sem revezamento por 24h, os "bravos", por assim dizer, passaram dia e noite com raça e determinação, que faz destes os destaques do desafio.
Na largada, Rogerio Pacheco, considerado melhor atleta do Brasil em provas de 24h, salta à frente com desafio de bater seu próprio recorde de 2008 em Fortaleza, sua última participação em provas de 24h, na qual deixou a marca de maior distância percorrida por um latino americano em 24h: 663km. Este fenômeno brasileiro do ultraciclismo. Concentração e determinação são características fundamentais deste vencedor, acompanhado de perto e lembrado por quem conhece sua trajetória, sendo impulsionado pelos amigos e público presente e teve um desempenho impecável. Sua organização antes e durante a prova, sua estrutura, estratégia, determinação e a parte psicológica impressionaram a todos presentes. Com esta receita infalível Rogerio Pacheco não só venceu o Desafio 24h de BH como bateu sua marca de 663km para 701km com média de 30 km/h, seguido por Caio Melo (METAL BIKE) de Bom Despacho MG, atleta de renome no mountain bike que veio prestigiar o evento e pela primeira vez enfrentou um desafio tão árduo em que perseverou com experiência administrando suas condições físicas e psicológicas para se manter bem durante todo o dia e a noite e atingiu excelente marca de 594 km percorridos. Em terceiro lugar Marcelo Leandro de Varginha mineiro que também teve sua primeira experiência em provas de 24 horas, e se manteve na pista pedalando por praticamente o tempo todo do Desafio. 



Rogerio Pacheco campeão 24 horas solo - Foto Max Perdigão


Uma reflexão: qual o preço da emoção de conquistar ou até mesmo chegar ao final de uma prova de 24h como aconteceu neste final de semana e relatado acima que mostrou parte desta aventura carregada de superação, adrenalina e claro muita emoção por quem esteve dentro e fora deste megaevento?

Com trabalho sério dos organizadores Rogerio Pacheco, Afranio Pacheco e participação direta e fundamental de Demerson (Frango), Vívian, Maik, Gabriel (LOC), André, Roberto (Sidnelson) fotógrafo e Athos na locução o evento foi um sucesso. O Desafio 24 Horas de Ciclismo teve mudanças em sua organização na reta final, mas a união, força de vontade e respeito à responsabilidade por todo este projeto desde sua base e, claro os atletas que merecem todo respeito, possibilitaram esta festa. As dificuldades existem, mas o resultado foi este mar de satisfação visto nas redes sociais e diretamente por quem presenciou nesta que foi sua primeira edição.

Apoio: Governo de Minas, Secretaria de Esportes de Minas Gerais e Federação Mineira de Ciclismo - FMC.

Com apoio de: Academia Pratique Fitness, MM Efeitos, OGGI Bicicletas e Frimas Hotel.

Apoio de Mídia: TV Record e Lapa Bike.


Resultados Completos Clique Aqui

sábado, 21 de maio de 2016

Desafio 24 horas de Ciclismo 2016 dias 4 e 5 de Junho Inscrições Abertas

Procedimentos para se inscrever neste evento.
1) Clique aqui e leia o Regulamento.
ATENÇÃO AS INFORMAÇÕES DE INSCRIÇÕES:
1.1 - Um atleta deverá ser indicado como responsável pela inscrição das categorias em equipe (DUPLA, QUARTETO e QUINTETO TURISMO), que será denominado “Administrador” dos atletas inscritos no DESAFIO 24 HORAS CIDADE ADMINISTRATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Preencha todos os campos da ficha com cuidado e atenção.
1.2 - Para que a inscrição seja validada para a participação no DESAFIO 24 HORAS CIDADE ADMINISTRATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS o “Administrador” deverá encaminhar à Federação Mineira de Ciclismo (FMC) a FICHA DE INSCRIÇÃO DOS ATLETAS totalmente preenchida com antecedência por meio do endereço eletrônico fmc@fmc.org.br.
2) Clique aqui “Administrador” e baixe a ficha de inscrição dos atletas para as categorias: DUPLA, QUARTETO e QUINTETO. A ficha deverá ser preenchida e encaminhada para www.fmc.org.br.
3) Clique aqui e baixe a relação completa de inscrições realizadas (Atualização diária).
4) Clique aqui e baixe a relação completa dos atletas confirmados para as categorias: DUPLA, QUARTETO e QUINTETO.
5) As inscrições no site serão encerradas no dia 27/05/2016.
A ficha de inscrição estará disponível por este canal até o dia 27/05/2016 23:59:59 (Sexta-feira). Faltam 6 dias para encerrar as inscrições para este evento. Não perca tempo, inscreva-se agora!
Clique aqui para visualizar a relação de atleta inscritos para o evento DESAFIO 24 HORAS CAMG 2016.
Clique Aqui e faça sua inscrição!!

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Giro 30 By Pacheco

Favor ler todas as informações desta postagem!!!

Levei ao conhecimento de algumas pessoas que pedalam nos Giros noturnos que coordeno na Pampulha de segunda a quinta feira conhecido como GIRO 30 by PACHECO que existe a mais de TRÊS anos, como sabem nunca tivemos apoio de nenhum órgão de segurança como a GUARDA MUNICIPAL e POLÍCIA MILITAR, entender que não se trata de prioridade, mas o grupo assim como outros tantos existentes na capital vem crescendo onde chegamos a ter mais de 100 ciclistas em vários mementos dos Giro 30/25 e 35 e por se tratar de uma ação onde a ideia é saúde, qualidade de vida, esporte e interação social entre as pessoas...

Devido demanda e os transtornos com atitudes de alguns motoristas enfurecidos após implantação dos 7km de ciclovia na orla da Pampulha nos foi doado um VEÍCULO MOTO para nos auxiliar no pelotão, sendo assim "Wagner Alves" está conduzindo a moto como proteção (atrás do pelotão) e nos ajudando na segurança e aos poucos equipar a mesma para melhor auxilio quando alguém tiver algum tipo de problema.

Espero que todos entendam uma vez alguém estiver ou entrar no grupo será beneficiado, até porque não se trata de ""EU" tenho prioridade", pois nunca me dei luxo de dizer: HOJE NÃO VOU PEDALAR POR ISSO, AQUILO e, sim compromisso, respeito e carinho com todos que frequentam os GIROS...
Nunca quis engessar o grupo porque muitos participam por indicação ou mesmo entraram no pelotão quando convidamos enquanto passamos e outras formas...
Peço desculpas pela franqueza, mas esta é minha filosofia de pensar dentro e fora do esporte.

O custo das despesas mensal do PROFISSIONAL CONDUTOR WAGNER será de $600,00 (seis centos reais) por mês "COM OU SEM OS GIROS" e gasolina serão custeado com o apoio de todos, sendo assim e revendo cálculos $15,00 (quinze reais) "POR MÊS" doados como mínimo sugerido e espero ser suficiente para o mínimo das despesas a gastar.
Deixar claro que esta é uma doação voluntária para nosso benefício.
Na certeza que precisamos fazer também seguro do VEÍCULO, mas isso será o próximo passo.

Em diálogo com o pessoal foi dado sugestões de depósito bancário, outros também preferem ser possível pagamento direto.
Bom, esta e uma experiência que estamos a fazer e peço que me enviem comprovante via WHATSAPP com nome para eu ter controle e quem preferir pagar diretamente favor me entregar com nome anexado ao valor.

Aberto a sugestões... e favor compartilhar com os amigos esta ideia.

Obrigado a todos pela força!!!

Número de banco, conta para depósito:

Banco: Caixa Econômica Federal

Agência: 0681
Conta corrente: 028952-5 Oper. : 001

Para nome de: Rogerio Marques Pacheco.

Valor mínimo de $15,00 (quinze reais)

Contato Whatsapp: (31) 9328-2020

1° Troféu Rogério Pacheco (escalada) - 2015 / Serra do Cipó - MG 25-10 -2015

Cartaz provisório


VENHA DESAFIAR OS SEUS LIMITES NOVAMENTE!
Desafio de escalada para competidores e desportistas


Data: 25 de outubro de 2015 (domingo)
Local: Serra do Cipó (Cardeal Mota / Santana do Riacho - MG)
Concentração: 7:00 h da manhã
Largada: 9:00 h da manhã.
Percurso: aproximadamente 20 km do centro de atendimento ao Turista até o Juquinha. Km 97 ao KM 117 da MG 10.

LEIA O REGULAMENTO ANTES DE SE INSCREVER. 

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Golden Bike (Treino Premiado) Itabirito/ Mariana / Itabirito

Primeiro geral hoje no Golden Bike (Treino Premiado) Itabirito/ Mariana / Itabirito com aproximadamente 110 km concluidos em 3h 16 minutos.
Privilégiado, pois recebi troféu diferenciado pela homenagem que me foi concedido pelo Sr. Secretário de Esportes Alessandro Massaini.
Obrigado Secretário, Humberto Higino e Clube ACE pela homenagem e desafio...
Desafio simples, mas quem esteve presente curtiu muito as longas subidas do trajeto.
Parabéns ao Gustavo segundo colocado na seguencia chegaram juntos Humberto Higino, Bruno Bones e Rafael Braga, mérito para as mulheres em especial Dany Ferreira sendo a única mulher a fazer todo circuito.
Abração.

‪#‎Cicloviadapampulha‬

Ciclovia 381 da Pampulha continua fazer vítimas a ciclistas que se chocam de frente e trazendo inúmeros transtornos e prejuízos.
Antes que dizem que estavam rápidos dentro da ciclovia... confirmado pelas vítimas que não estavam, apenas choque frontal, e pra quem tem o mínimo de conhecimento de física, dois corpos em movimento o resultado é isso que quase todos os dias tem acontecido na Pampulha. 
Há.... antes que alguém diga que alguém se descuidou... Afirmo que sim, porém em uma ciclovia que mal cabe uma bike, cheia de irregularidades certamente alguém sem habilidade vai se chocar com quem está a sua frente, pois já bateram em mim e outras vezes parei, gritei com os sem noção que andam na contra mão vindo em minha direção parado.
Na semana do ciclista e com muitas coisas boas em minha página, lamentar, mas importante divulgar os acontecimentos recentes desta obra sem noção.
Aguardar a solução desta aberração de ciclovia o mais rápido possível. Abração.
Mais fotos abaixo;

Ultramaratona Caminhos de Rosa

Neste sábado dia 15 agosto fui conferir a maior ultramaratona de mountain bike do país com saída de Três Marias até Sete Lagoas mg, com aproximadamente 264 km. "Ultramaratona Caminhos de Rosa" uniu: literatura, cultura, tradição, solidariedade, companherismo, natureza e claro esporte, neste caso o mountain bike.
A ideia inicial ano passado criado por André Zumzum foi nada mais que poder compartilhar com os ultra-atletas das bikes e corredores a paixão pela história, literatura, esporte e por viver diretamente aquela região. Evento este, onde o propósito é uma aventura isolada, hoje podendo dizer que o relevo e vegetação estão muito próximos da época quando o escritor mineiro Guimarães Rosa percorreu durante dias começando da cidade mineira de Três Marias a Sete Lagoas MG.
Este ano a Ultramaratona Caminhos de Rosa cresceu em vários aspectos tanto na estrutura, quanto na quantidade e nível dos inscritos.
Meu ponto de vista:
Quando pessoas sérias aliada a força de vontade se unem certamente o sucesso é certo, mesmo com alguns imprevistos "normal" para uma prova tão longa e certamente ano vem será muito melhor.
Parabéns organização, voluntários, amigos e família de André Zumzum, que pude ver neste evento a união de todos envolvidos de atletas a organização. Contudo, denomino esta prova uma família.
Parabéns a Federação Mineira de Ciclismo na presença de Julio comissário ajustou detalhes para o melhor andamento desta e dizer a entidade está a frente do maior evento de longa distância do pais, cabe agora ajustar e fazer ainda maior.
Dever cumprido!!!
Cruzar a linha de chegada na primeira maior maratona do país e a primeira prova com esta quilometragem em maratona de MTB em anos sem estar na ativa deste tipo de competição e finalizar os quase 280 km foi realmente um dos maiores feitos apesar do transtorno e um certo desespero...rs ocorreu tudo bem, e finalizei a prova em 13h. Sabia das dificuldades, mas após ser convidado por Rachel BuenoMarcio Monteiro e outros amigos não poderia deixar de ir nesta que agora é meta para ano que vem.
Fui campeão mineiro solo após percorrer quase 280km o que me rendeu muito esforço e vontade de vencer mais um desafio em minha carreira.
Parabéns também ao prefeito de Sete Lagoas o Sr. Marcio Reinaldo que esteve presente e pude receber de suas mãos o troféu artesanal "um símbolo do coqueiro BURITI".
Parabéns a todos os participantes desta prova de superação e garra!
Abraços
Mais fotos abaixo;